5 dicas para instalar bateria automotiva

5 dicas para instalar bateria automotiva

Postado em Automobilismo na data 08/05/2015 por

A instalação da bateria no carro é um procedimento bem simples, mas assim como qualquer outra intervenção no automóvel, precisamos ter alguns cuidados para não gerar complicações desnecessárias no futuro.

Substituir uma bateria de maneira inadequada pode causar descarregamento ou até mesmo um curto. Pense na raiva do cliente que acabou de comprar uma bateria nova e não consegue dar partida em seu carro por causa de uma troca mal-feita: já imaginou a insatisfação?

Para não correr estes riscos, leia o nosso artigo de hoje e confira 5 dicas para instalar uma bateria automotiva sem problemas para o veículo!

Cuidados antes da instalação

A bateria automotiva armazena energia química. Sua função é transformar essa energia química em energia elétrica, o que proporciona a partida do veículo e o funcionamento dos sistemas eletrônicos como faróis, setas, luz de ré e iluminação interna, por exemplo.

A primeira coisa que devemos fazer antes de instalar uma bateria é consultar o manual do proprietário para saber qual tipo é recomendado para o veículo em questão. Caso o dono do carro não disponibilize o manual, você pode pesquisar essas informações no portal eletrônico da montadora.

O proprietário deve comprar somente os modelos recomendados pelo manual, certo?

Verifique a tensão

Após comprar a bateria, é preciso checar se ela está totalmente carregada antes da instalação. Há um aparelho específico para testar a bateria automotiva, e só é recomendado fazer a instalação caso a tensão esteja acima de 12 Volts.

Como retirar a bateria usada

Após testar a tensão, certifique-se de que não há nada elétrico ligado no veículo antes de retirar a bateria usada. Aparelhos de som, limpador, setas, entre outros, devem ser desligados.

Em seguida, vamos retirar a bateria velha:

  1. Desconecte primeiro o cabo negativo;

  2. e só depois o positivo;

  3. limpe os polos;

  4. e cheque se os contatos entre os terminais dos cabos estão normais.

Os riscos da ligação invertida

Fique de olho para não conectar um terminal positivo em um terminal negativo, o que resultará no que conhecemos como “ligação invertida”. Nesse caso, haverá uma grande elevação da corrente elétrica, o que causará um superaquecimento da bateria e pode resultar na danificação das partes internas e externas da mesma. Além disso, ainda há risco deste aquecimento provocar rachaduras no equipamento!

Como instalar a bateria automotiva

Agora é só instalar a bateria automotiva! Siga os passos seguintes e veja como é fácil:

  1. Conecte primeiro o cabo do terminal positivo.

  2. Aperte bem e só depois conecte o terminal negativo.

  3. Confira se não se esqueceu de nenhuma ferramenta por cima da bateria, pois até mesmo um parafuso pode causar perfuração — e baterias rachadas ou perfuradas podem permitir o escapamento de hidrogênio, o que causa inflamação e, em alguns casos, até explosão!

  4. Garanta que a bateria está bem fixada antes de devolver o carro para o cliente.

  5. Por último, teste o motor e confirme se toda parte elétrica funciona corretamente para que não ocorram fugas de corrente.

Além disso, não se esqueça de verificar a validade da bateria antes de comprar e instalar, não é? Com esse passo a passo, certamente o dono do automóvel ficará satisfeito e não precisará retornar ao seu estabelecimento para pequenos reparos inconvenientes!

Tem outras dicas ou dúvidas sobre como instalar uma nova bateria no carro? Então compartilhe com a gente nos comentários!

 

Comentários (0)